Post do Leitor – Jesus o maior Anti-Religiosidade do mundo

Saudações queridos crentassos…

Hoje, mais um texto q nos foi enviado para o “Post do Leitor” pelo meu manolo Lucas Santos, leitor de longa data do nosso blog, e agora ele quer expor um pouco seus pensamentos aqui! Lembrando sempre q o teor do texto não reflete, necessariamente, a opinião do blog dos crentassos, antes disso, o “post do Leitor” serve como um dialogo entre os muitos leitores do CRENTASSOS!
Segue o texto

Eu não tenho medo, nem sombra de duvida, nem receio da afirmação que acabei de fazer ali em cima, que Jesus é o maior anti-religiosidade de todos os tempos. Porque a religião, simplesmente nada mais é, que uma ferramenta criada por homens, e hoje eu quero falar um pouco sobre isso.

Tenho andado com Cristo, e na minha jornada eu tenho visto pessoas ficando pelo caminho, pessoas desistindo, pessoas cansadas, pessoas aprisionadas nesse ciclo vicioso chamado Religião. Pessoas religiosas são pessoas que simplesmente não entenderam a graça e não passaram a desfrutar de um amor genuíno que o Pai nos concede a cada dia. As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã (Lamentações 3:22-23).
 A religião tem a tendência de jogar em cima da pessoa uma carga que simplesmente ela não precisa carregar, que simplesmente alguém (Jesus) já pagou ou carrega para ela. Religião tem a tendência de descartar Cristo das escolhas mais triviais de nossas vidas. Muitas pessoas simplesmente seguem um manual de regras de boa-conduta “gospel” e simplesmente imaginam que isso é tudo, quando na verdade, isso não é nada. Porque o tudo para o Cristão é Jesus, e ser Cristão nada mais é do que a vida de Cristo habitando em você, mudando seu caráter, quebrantando seu coração dia após dia.
Quando você se torna um religioso, você sempre buscará a verdade em si mesmo, a verdade sempre vai estar em algum objeto, uma crença, ou algo do tipo. Quando na verdade a bíblia traz Jesus como a verdade “Eu sou o caminho, a verdade e a vida…” viram? a verdade é uma pessoa, Jesus, nada mais do que isso. O que estiver fora da vida de Cristo, nada mais é do religiosidade ou crença ou qualquer coisa do gênero.
Jesus foi o maior anti-religiosidade de todos os tempos, sem nenhuma sombra de duvidas! Por que?

As palavras fortes de Jesus “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas” ecoam através de todo Mateus 23 (versículos 13,14,15,23,25,27,29). Os evangelhos estão cheios de controvérsias entre Jesus e os fariseus (Mateus 9:11,34; 12:2,14,24,38; 15:1,12; 16:6-12; Lucas 11:37-44; 12:1 e muitos outros textos). Quem eram estes fariseus e por que Jesus se opunha tanto a eles? Os fariseus eram um grupo religioso que se originou dois séculos antes de Cristo. Eles eram líderes de um movimento para trazer o povo de volta a uma submissão estrita à palavra de Deus e eram considerados geralmente como os servos mais espirituais e devotos de Deus. A oposição vigorosa de Jesus contra eles deixava muitos perplexos. A
maioria das pessoas daquele tempo pensava que se alguém fosse fiel ao Senhor, certamente seriam os fariseus. O Senhor decididamente inverteu os valores do mundo (Lucas 16:15). Se Jesus fosse retornar hoje, a quem ele se oporia? Seriam aqueles a quem respeitamos bastante? Ele nos atacaria como criticava os fariseus? Precisamos pesar as razões por que Jesus os repreendia e então olhar cuidadosamente para nossas próprias vidas (Mateus 5:20;16:6,12).
Jesus condenou os fariseus pelo interesse deles em impressionar os outros (Mateus 23:5-12; Marcos 12:38-40; Lucas 16:15; 20:46-47). Eles tinham aperfeiçoado diversas técnicas de chamar atenção, como usar roupas especiais para fazê-los parecer mais religiosos, orar e jejuar de modos muito visíveis (Mateus 6:1-18), e disputar pelas posições mais elevadas tanto na sinagoga como no mercado. Eles insistiam em que os outros lhes dessem títulos especiais de respeito, quando os saudassem, porque queriam ser notados e admirados.
Satanás ainda consegue colocar orgulho humano nos corações de muitos “cristãos”. Quantos líderes religiosos de nossos dias imitam estes fariseus em quase todas as minúcias, usando roupagem especial para distingui-los como “clérigos”, usando títulos especiais, e adorando com grande pompa e cerimônia? A religião nos nossos dias tem sido reduzida a uma questão de espectadores aplaudindo os atos deslumbrantes daqueles que estão no palco. O holofote têm sido apontado para o pastor eloqüente, cheio de si, de maneira que poderia causar inveja até a um fariseu. Estamos procurando impressionar os homens ou servir a Deus humildemente?
Os fariseus eram falsos, pretendendo ser algo que não eram. Eles limpavam minuciosamente o exterior (a parte que as pessoas podiam ver), mas negligenciavam a justiça interior (Mateus 23:23-33). Eles invertiam o que era racional. Uma vez que o pecado começa no coração, a operação de limpeza tem que começar aí também. Jesus comparou a maneira farisaica com alguém que limpasse cuidadosamente o exterior de uma taça ou prato, mas deixasse comida apodrecendo por dentro sem se importar com isso. Conquanto não se queira beber numa taça que esteja suja por fora, a primeira preocupação é com a limpeza interior. Os hipócritas religiosos de nossos dias cumprem seus deveres religiosos externos
perfeitamente, mas permitem que pecados como orgulho, inveja e ódio floresçam por dentro.
Galerinha, por hoje é isso, que essa palavra possa tocar o coração de vocês e não endureça o coração se ouvires a voz de Deus. Jesus quer te libertar de todo “vicio” para que você possa desfrutar de uma plenitude intima do que é ter uma vida ligada sinceramente ao coração do Pai. Jogue contra a religião. Vamos destruir as máscaras, vamos busca-lo de verdade, em Espírito. Tenha consciência que muitos manifestares que vemos em nossos dias hoje, são obras carnais de manipulação emocional que não tem nada haver com um agir do Espírito Santo. Abra os olhos do seu coração pra essas palavras, para que assim possamos a cada dia desfrutar de um manifesta glorioso do Senhor em nossas vidas.
Deus nos inunde e nos abençoe, e continue levando nossas vidas além…

Lucas Santos

Lucas Santos

@lukiinzz

Tenho a honra de ser chamado filho de Deus, teólogo em formação, subversivo porém de uma forma simples e fascinado pelo Jesus que a bíblia me apresenta.


 Gostou do texto? Acho um lixo?! Acho o Lucas bonitão e quer manter contato com ele? Deixe tudo nos coments… O “Post do Leitor” pode ser feito por qualquer um, entretanto uma análise RÍGIDA será feita, antes da postagem. 
Se quiser mandar um texto, envie para crentassos@gmail.com com o assunto “Post do Leitor” q iremos analisar, e caso o texto não seja aceito entraremos em contato para justificar nossa decisão! 

ATENÇÃO… Para participar do “POST DO LEITOR” só serão aceitos, apartir de agora, textos enviados pelo sistema de email do blog aqui com a opção “Post do Leitor” selecionada! Necessariamente com endereço de twitter, e com a “bio” do twitter atualizada, pois será utilizada como assinatura no post… Diferente disso, seu texto nem será analisado.
Caso haja imagens, videos, ou audios relacionados ao seu post, envie o LINK no texto  q iremos anexa-lo conforme a necessidade

Estas posições foram tomadas por uma questão de organização e para tornar a publicação mais ágil. Pedimos perdão por qualquer transtorno! Abrass!

Posted in Post do Leitor and tagged .
  • Filipe Araujo

    Realmente, e a semelhança entre os fariseus e alguns cristãos de hoje são tão grandes que se Jesus estivesse encarnado hoje, seria perseguido tanto quanto foi nos tempos antigos.